Software MED’2000, iniciado em ambiente DOS em 1990, hoje em dia é um programa de referência no mercado português da especialidade de Medicina e Segurança no Trabalho, conhecido de todos os profissionais da área e utilizados de norte a sul do país em empresas de grande, média e pequena dimensão.

Clínica Geral e Medicina Curativa

  • Exames médicos: admissão, periódicos e ocasionais;
  • Gera a consulta médica curativa, guardando os motivos de consulta, diagnóstico, terapeuta e medicamentos por cada consulta;
  • Exames complementaers de diagnóstico: audiometrias, espirometrias, exames visual, hematologia, bioquímica, exposição a tóxicos, radiologia, endoscopia, electrodiagnóstico, etc;
  • Controle dos dados biométricos, hábitos pessoais e de higiene, condição atlética, etc;
  • Regista os tratamentos de enfermagem, emitindo relatórios e estatísticas;
  • Controle de vacinas (definidas pelo utilizador) com marcações de rappel;
  • Gestão e emissão da receita médica, permitindo controlo de medicamentos receitados;
  • Acompanhamento das consultas com registo de: antecedentes pesoais e familiares, alergias, patologias, terapêuticas, diagnósticos, etc;
  • Controlo dos antecedentes profissionais do trabalhador e riscos expostos;
  • Impressão autimática da ficha de aptidão de caordo com a portaria nº1031/2002;
  • Gestão da agenda do pessoal médico com marcação de novas cnsultas (dia/hora) e impressão de convocatórias;
  • Integração do exame audiométrico nas rotinas de controlo de ruído com calculo automático do estado pela classificação de Bell, Índice de Perda Audiométrica e Tabela Nacional de Incapacidade;
  • Registo da equipa médica responsável por cada consulta;
  • Visualzação do momento da consulta, de qualquer ficha de consulta anterior;
  • Possibilidade de emissão do dossier médico completo do funcionário desde a sua entrada na empresa, incluindo periodos de baixa, acidentes, mudanças de secção, audiogramas, etc;
    • Permite gerir os postos de trabalho no que diz respeto aos riscos inerentes a cada um deles fazendo a interligação com os funcionários deste posto;
    • Imprime diversas estatísticas e pesquisas de risco por Posto de Trabalho e Centro de Custos, etc;
    • Permite estudar minuciosamente o Posto de Trabalho, desde os tipos de instalações, tipo de trabalho executado, condições ambientais, equipamentos manuseados, equipamentos de proteção (Individual e Coletivo), Carga Física, Factores Psicológicos e Sociológicos, etc;
    • Estudo Ergonomico do Posto de Trabalho com estatísticas a nível do Posto e do Centro de Custo;
    • Imprime diversas estatísticas a nível do Posto de Trabalho;
    • Dá  a possibilidade de a qualquer momento ter o conhecimentos de todos os acidentes, baixas médicas, exames periódicosm exames ocasionais, etc;

Perfil do Posto de Trabalho

Perfil do Posto de Trabalho

    • Permite gerir os postos de trabalho no que diz respeto aos riscos inerentes a cada um deles fazendo a interligação com os funcionários deste posto;
    • Imprime diversas estatísticas e pesquisas de risco por Posto de Trabalho e Centro de Custos, etc;
    • Permite estudar minuciosamente o Posto de Trabalho, desde os tipos de instalações, tipo de trabalho executado, condições ambientais, equipamentos manuseados, equipamentos de proteção (Individual e Coletivo), Carga Física, Factores Psicológicos e Sociológicos, etc;
    • Estudo Ergonomico do Posto de Trabalho com estatísticas a nível do Posto e do Centro de Custo;
    • Imprime diversas estatísticas a nível do Posto de Trabalho;
    • Dá  a possibilidade de a qualquer momento ter o conhecimentos de todos os acidentes, baixas médicas, exames periódicosm exames ocasionais, etc;

Medição do Ruído

  • Calcula valores lep.d, lep.d efetivos e maxipico para os funcionários, lebando em conta se estes trabalham em um único posto, ou se estão sujeitos ao ruído proveniente dos vários postos de trabalho;
  • Emite o “quadro individual de avalição da exposição pessoal diária de cada trabalhador ao ruído” –  conforme legislação em vigor (decreo lei nº 9/92);
  • Emite o “quadro de seleção de protetores de ouvido”,  calculando o valor final do lep.d efectivo (para cada tipo de protector indicado);
  • Interligação da gestão de ambientes ruidosos com o controlo de audiometrias;
  • Estatísticas de: funcionários por classe de risco; 
  • Gestão de aparelhagem utilizada nas avaliações;
    • Regista o exame audimétricos do funcionário;
    • Interligação da gestão de ambientes ruidosos com o controlo de audiometrias;
    •  Calcula Índices de Perda audiométrica, Tabela Nacional de Incapacidade (Doença Profissional);
    • Classifica o Estadio de acordo com a Classificação de Bell;
    • Estatísticas de: Funcionários por Estadio;
    • Faz o gráfico das perdas audiométricas;
    • Estatísticas de Perda audiométrica, e/ou Índice da Tablea Nacional de Incapacidade (TNI – Doença Profissional) por faixa estária e sexo.

Avaliação Audiométrica

Avaliação Audiométrica

    • Regista o exame audimétricos do funcionário;
    • Interligação da gestão de ambientes ruidosos com o controlo de audiometrias;
    •  Calcula Índices de Perda audiométrica, Tabela Nacional de Incapacidade (Doença Profissional);
    • Classifica o Estadio de acordo com a Classificação de Bell;
    • Estatísticas de: Funcionários por Estadio;
    • Faz o gráfico das perdas audiométricas;
    • Estatísticas de Perda audiométrica, e/ou Índice da Tablea Nacional de Incapacidade (TNI – Doença Profissional) por faixa estária e sexo.
  •